Foram 4 os projetos que se candidataram ao Prémio Nascer Positivo 2019 cumprindo os respectivos requisitos de candidatura. 877 pessoas responderam ao nosso apelo e votaram para eleger o projeto vencedor.

O prémio, patrocinado pela Gimnográvida, no valor de 500€, foi entregue durante o III Encontro Internacional de Novos Paradigmas no Nascimento ao projeto 10.º Mês: Viver o Pós-parto, a quem endereçamos, mais uma vez, as nossas felicitações. Um grande bem-haja a todas as pessoas que contribuíram com o seu voto, assim como aos restantes projetos que se candidataram, aos quais desejamos ter dado alguma visibilidade e, quem sabe assim, ajudar a que também eles se concretizem.

 

SAIBA MAIS SOBRE OS PROJETOS QUE SE CANDIDATARAM:

> 10.º Mês: Viver o Pós-parto

> Musicoterapia no Bloco de Partos da ULS de Matosinhos

> Amigos do Peito

> Expectativas de Grávidas e Seus Companheiros sobre o Nascimento
 
 
CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DAS CANDIDATURAS

– Enquadramento do projeto: identificação clara da(s) necessidade(s) com base num diagnóstico de situação, assim como de objetivos e metas devidamente fundamentados.

– Relevância do projeto: promoção de ganhos em saúde materno-infantil, centrados na mulher/casal e no recém-nascido.

– Estratégias de implementação do projeto: definição de estratégias para a concretização das metas propostas.

– Estratégias de avaliação do projeto: definição de métodos e indicadores de avaliação adequados aos objetivos propostos.

– Coerência do Projeto: coerência entre as necessidades identificadas, os objetivos e metas delineadas, as estratégias de implementação e os métodos de avaliação definidos, bem como os meios necessários para operacionalizar o projeto.

– Sustentabilidade do projeto: sustentabilidade técnica e financeira do projeto.